Cidades

Moisés não esconde euforia para reestrear no Palmeiras: ?O que eu mais quero é entrar em campo?

Cidades 15/02/2017/ 19:48:05
Moisés não esconde euforia para reestrear no Palmeiras: ?O que eu mais quero é entrar em campo?
Meio-campista Moisés deve fazer seu primeiro jogo na temporada diante do São Bernardo, nesta quinta (16) Cesar Greco/Ag. Palmeiras


Em fase final de preparação para a terceira rodada do Paulistão, o Palmeiras fez seu último treinamento antes de encarar o São Bernardo nesta quinta-feira (16). Para esta partida, o técnico Eduardo Baptista poderá contar com as estreias do zagueiro Yerry Mina e o meia Moisés.



Alexandre Mattos viaja a Barcelona para negociar Yerry Mina



Gordinho, mas feliz! Walter manda recado para fãs e não tem vergonha de mostrar a barriga



Brasileiro e craques ganês são intimados por ?corte de cabelo antiético? na Arábia



Com boas expectativas para retornar aos gramados e pela primeira vez usar a camisa 10, o meio-campista comentou sobre a derrota diante do Ituano e alegou que o grupo está preparado para recuperar o bom futebol o quanto antes e também elogiou o trabalho do treinador.



"Futebol brasileiro é muito engraçado. O que uma derrota não faz? Toda essa repercussão, claro, temos ciência de que o time não conseguiu jogar tudo o que se espera ainda, mas é natural. Treinador novo, não teve todas as peças à disposição. Não é tão simples. Mas vocês veem como o Eduardo trabalha bem, é dinâmico, gosta de participar", declarou.





Pensando apenas em fazer seu primeiro jogo no ano, Moisés alegou que trabalhou forte para se recuperar o quanto antes e sente-se apto para jogar. O jogador também afirmou que o desempenho ruim diante do Ituano não foi por conta de sua ausência.



"O que eu mais quero é entrar em campo e poder ajudar. A gente fica de fora, é difícil. Não é fácil ficar fora. Não é que o Moisés está fora, é que o time não ganhou. Como perdeu, quem está fora sempre é o melhor. Não tem nada disso. Somos um grupo. Pés no chão, humildade, vamos trabalhar. Sabemos como é a pressão externa aqui no Palmeiras", acrescentou.





Sobre a lesão do companheiro Tchê Tchê, com quem se destacou na temporada passada, Moisés lamentou pela lesão do amigo, mas enfatizou o potencial do elenco alviverde e está procurando o maior entrosamento com o venezuelano Guerra.



"Até brinquei que, agora que estou voltando, ele foi machucar. Temos grupo muito qualificado. Temos que procurar entrosar com as peças disponíveis neste momento. Por ser um grupo tão amigo, que se fala tanto, ontem mesmo eu falei com Guerra. Nos joguinhos que a gente faz, a gente procura sempre estar no mesmo time", completou.





Palmeiras e São Bernardo se enfrentam às 19h30 desta quinta-feira (16), no Allianz Parque, pela terceira rodada do Paulistão.





Fonte: r7.com

Outras Notícias